Fusca

Fusca

sábado, 22 de outubro de 2011

ASPIRADOR DE PÓ

Chega o fim de semana. Hora de lavar o fusquinha. É, sem dúvida, o momento de maior intimidade entre o dono e a pequena maravilha. Depois de horas para deixá-lo limpo e brilhante, é hora de dar uma voltinha com o veterano, nem que seja por uma quadra apenas. São momentos que proporcionam grande prazer ao homem. Mas, para deixá-lo impecável, é conveniente ter um aspirador de pó, principalmente se você tiver um fusca alemão com as passadeiras originais em sisal e os bancos em casemira, ou, ainda, um Bizorrão, um Série Love, um fusca 80 prata, um fusca ou um 1300L, um Itamar, enfim, fuscas que possuem as passadeiras ou os bancos em tecido.

 Um dos aspiradores de pó mais curiosos é o que utiliza o próprio sistema de exaustão do fusca para aspirar a sujeira do interior do veículo. Sem uso de qualquer tipo de eletricidade. Obviamente, havia o gasto da gasolina, pois havia necessidade de deixar o fusca funcionando. Existiam dois modelos: um para o fusca até 1955, que possuia uma única saída de escapamento e outro para o fusca a partir de 1956, com duas ponteiras de escapamento. Anos 50.

 Um outro modelo bastante peculiar utilizava pilhas comuns. Era feito em baquelite e tinha tripla função: aspirador de pó, ventilador e lanterna. Foi fabricado nos anos 60.

 O botão tinha 3 posições. Você o posicionava na função pretendida: aspirar, iluminar ou refrescar. Vinha dentro de um estojo de couro e podia ser guardado no porta-luvas do fusca.

 Um dos aspiradores de carro mais conhecidos no Brasil nos anos 70 e 80 era o aspirador de pó Primo-Jet feito pela empresa Primo Industrial Plásticos e Espelhos Ltda. O anúncio é de abril de 1976.

 O aspirador Primo-Jet era fabricado em diversas cores, do azul ao vermelho, do beje ao amarelo.

Outro anúncio da Primo-Jet de julho de 1978. No anúncio, percebe-se um Passat e um Porsche.

 Porsche aparece na caixa do aspirador em pó.

 Aspirador sendo usado no porta malas de um Porsche.

 Aspirador Primo-Jet na cor amarela dentro da caixa. 

 O aspirador Primo-Jet vinha com diversos acessórios.

 O aspirador de pó Primo-Jet era conectado em uma tomada de força do próprio veículo. Podia ser o acendedor de cigarros.

 Algumas instruções de uso na caixa do aspirador Primo-Jet.

 Outro aspirador de pó disponível na época era o aspirador da marca NICE. Também dos anos 70. Era acondicionado numa vistosa caixa.

 O aspirador de pó Nice era feito pela empresa FAE Ferragens e Aparelhos Elétricos S.A.

 O aspirador de pó NICE na cor azul. Também havia disponibilidade de outras cores.

 O aspirador de pó NICE também era conectado a uma tomada de força do veículo.

 Um dos aspiradores de pó mais caros da época foi feito pela Bosch. Vinha numa linda e funcional maleta.

 O aspirador da Bosch era feito na Alemanha.

 O aspirador de pó da Bosch dentro da maleta. Foi feito no ano de 1967.

 A marca Bosch aparece na principal peça do aspirador.

 O aspirador era ligado a uma tomada de força que já acompanha o produto. O pino era dos mais antigo (fino).

 O aspirador de pó da Bosch vinha com diversos acessórios.

Manual do aspirador de pó Bosch.

 Folder que acompanhava o produto.

 Manual com instruções de uso do aspirador Bosch.

 Em 1969 a maleta do aspirador Bosch já era diferente.

 Outro aspirador de pó alemão, feito pela empresa AEG.

O aspirador de pó da AEG também vinha com o plug fino e a tomada de força para ser instalada no carro. Haviam, obviamente, diversas outras opções de aspiradores de pó na época. Aqui, vê-se somente uma pequena amostra. Boa limpeza! O fusca merece!

Nenhum comentário:

Postar um comentário