Fusca

Fusca

quinta-feira, 17 de novembro de 2011

DESCANSA PÉS DO PASSAGEIRO

Uma das cerca de 2.500 modificações ocorridas no fusca ao longo dos anos, foi a introdução, em agosto de 1959, do descanso inclinado para os pés do acompanhante.

 Todos os fuscas fabricados até o primeiro semestre de 1959 não possuiam o descansa pés do passageiro. Observe na foto acima que essa parte nos fuscas daquele período é "reta".

Na foto acima, pode-se perceber melhor a ausência do descansa pés. É assim nos fuscas split, ovais e com o vigia retangular fabricados até a 1a. série de 1959.

 A partir do modelo 1960 (lançado no segundo semestre de 1959) a Volkswagen introduziu o descansa pés, fato que ensejou a modificação dos tapetes internos do fusca, que passaram a ser inteiriços na parte da frente (inclusive cobrindo o túnel) e mais comprido no lado do passageiro. Até então, os tapetes do fusca eram individuais.

 A alteração promovida pela VW foi bastante simples: uma chapa de aço inclinada foi encaixada na parte de trás da parede que cobre o chapéu de napoleão do fusca.

 A VW nada mais fez do que introduzir no processo de fabrico do besouro um acessório que já existia desde o início dos anos 50: o descansa pés. O anúncio acima é da empresa alemã Kamei (acrônimo de Karl Meier) , datado de 1952, oferecendo o acessório aos proprietários do besouro. Para mais informações sobre a empresa Kamei, acesse o tópico http://opasgarage.blogspot.com/search/label/KAMEI

 Por conta de sua posição inclinada, o descansa pés propiciava maior ergonomia haja vista que a posição natural de descanso dos pés do passageiro é inclinada. O aumento do conforto é evidente, principalmente em longas viagens. A foto acima, também datada de 1952, mostra o acessório sendo utilizado pelo acompanhante.

Percebe-se que a indústria de acessórios influenciou, indubitavelmente, para a melhoria do besouro ao longo das décadas, sendo este um exemplo, dentre tantos outros possíveis, que demonstra essa saudável colaboração.  

Nenhum comentário:

Postar um comentário