Fusca

Fusca

segunda-feira, 13 de maio de 2013

DEFLETORES DO AR QUENTE PARA O PÁRA-BRISA

 
Anúncio de Fevereiro de 1957.
 
Para otimizar o sistema de ar quente do Fusca, criou-se, nos anos 50, defletores de ar para serem instalados no painel do besouro, visando melhor direcionar o ar quente para o pára-brisa.
 
 O ar quente do Fusca - conforme se observa na figura acima - distribuiu o ar quente para o interior do veículo, próximo ao pára-brisa, por meio de duas mangueiras que sobem das caixas de ar em direção às extremidades do painel.
 
Anúncio de outubro de 1962.
 
Todavia, visando otimizar essa função, os defletores visavam melhor distribuir o ar quente no pára-brisa, evitando que o ar se dispersasse no interior do veículo, melhorando, com isso, o desembaçamento do vidro. Os defletores forçavam a passagem do ar rente ao pára-brisa, tornando o desembaçar do vidro mais eficaz e rápido.
 
Os defletores eram fixados nas extremidades do painel, quer por simples encaixe, quer por meio de presilhas.
 
 Acima, defletor feito pela empresa alemã REGENT instalado no Fusca. Eram feitos de acrílico transparente para não encobrir a visão do motorista, ou seja, mesmo com os defletores instalados no pára-brisa não prejudicavam ou diminuíam a visão do motorista.
 
 Defletor de ar feito pela alemã HUMA.
 
A firma alemã KAMEI também fabricou os defletores.
 
Defletor da KAMEI instalado num Fusca. Era simplesmente encaixado na curvatura da chapa do painel.
 
 Defletor da KAMEI num fusca Zwitter (observe outros acessórios instalados nesse Fusca, tais como aro de volante e botão de buzina da PETRI, painel rallye da MOTOMETER, porta-treco RA-BAMBUS, acendedor de cigarro, trava de câmbio, pedal de apoio para o pé esquerdo do motorista, receptor de ondas curtas da BLAUPUNKT, etc.)
 
O modelo acima possuía um divisor para melhor direcionar o ar quente.
 
 Outro modelo, além de um divisor, vinha com dois tubos, fazendo com que o ar quente fosse  direcionado também para o motorista e passageiro.
 
Acima, percebe-se melhor o fluxo do ar quente com o defletor com tubos.

Um comentário:

  1. E nos Fuscas brasileiros a partir de 1974 esse defletor pode servir para o sistema de ventilação forçada que foi novidade naquele ano.

    ResponderExcluir