Fusca

Fusca

sexta-feira, 18 de julho de 2014

ESFRIA SOVACO

A porta do Fusca, tal como ocorria com a maioria dos carros nacionais fabricados nos anos 50 e 60, não possuía forração que revestisse toda a parte interna, fazendo com que a moldura metálica envolta do painel ficasse aparente.  

O uso contínuo do Fusca e o mau hábito do motorista em descansar o braço na parte superior da porta, podia provocar um desgaste excessivo na pintura.

Em alguns casos, o atrito contínuo entre o braço e a parte superior da porta fazia desaparecer toda a tinta do local, deixando a lata aparente.

Como pra todo problema há uma solução, nada melhor que instalar um protetor interno superior da porta, acessório disponível nos anos 60 e 70. O apetrecho, feito em aço inoxidável, era instalado por rebites na moldura da porta, protegendo a pintura. Além disso, proporcionava um toque de elegância ao besouro. É também conhecido como esfria sovaco.

4 comentários:

  1. É esse que era o famoso esquenta sovaco?

    Abraço

    Macfuca

    ResponderExcluir
  2. oi Mcfuca, não saberia dizer, mas o nome é bem sugestivo.

    ResponderExcluir
  3. EU TENHO UM DESSES DA CHEVROLET... ÉPOCA DO MEU NONO HEHEHE

    ResponderExcluir
  4. Para quem tem o costume de dirigir com o braço para fora no Fusca esse é um bom acessório.

    ResponderExcluir